---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Histórico

Publicado em 01/08/2013 às 11:11 - Atualizado em 18/10/2013 às 11:27

Treviso 1968
Créditos: Divulgação Baixar Imagem

A data de 24 de dezembro de 1891, historicamente registra a chegada dos primeiros imigrantes italianos que, abordo do navio “Cachemir”, deixaram o porto de Gênova, rumo ao Brasil, ou mais especificamente a Nova Treviso( em homenagem a Província de Treviso na Itália), no sul catarinense. Compunham a leva famílias oriundas das províncias de Treviso, Bérgamo, Cremona e Ferrara.
Passados trinta e cinco anos, quando a selva trevisana já se houvera transformado em civilização à moda italiana, mais precisamente a 2 de julho de 1926, o Conselho Municipal de Urussanga, através do Projeto de Lei nº 103, decreta a criação do Distrito de Paz de Treviso.

Com essa conquista, um plano de emancipação começa a se corporificar, todavia a Lei nº 380 de 19 de dezembro de 1958 desmembrava de Urussanga e criava o município de Siderópolis a que passaria a pertencer o Distrito de Treviso.
O plano se concretiza e, a 19 de março de 1995 é realizado o Plebiscito de Emancipação. Dos 2.076 eleitores do Distrito, 1423 compareceram às urnas, dos quais 1373 votaram a favor da emancipação, somando um total de 68,55% .
A 8 de julho de 1995, o Governador do Estado de Santa Catarina, em exercício, José Augusto Hülse, sanciona a Lei nº 9.864 de Emancipação Política e Administrativa do Município de Treviso.

Informações baseadas na obra Treviso 100 Anos da autora Zeide Carminati de Lorenzi


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar