---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Decreto Municipal impõe normativas para conter o Covid-19

Publicado em 20/03/2020 às 11:09 - Atualizado em 20/03/2020 às 11:10

Visando a segurança de todos, o Governo Municipal está seguindo as orientações e restrições determinadas pelo Ministério da Saúde e pelos decretos elaborados pelo Governo do Estado de Santa Catarina e pela Associação dos Municípios da Região Carbonífera.

Um Comitê de Gestão de Contingenciamento, formado pelo Governo Municipal; Defesa Civil, Polícias Militar e Civil, e Vigilâncias Sanitária e Epidemiológica, é responsável por se atualizar do avanço do Covid-19 e, deliberar sobre as medidas de contingenciamento.

Reforçamos que este comitê preza pela máxima transparência e, nenhum fato referente ao coronavírus foi ou será omitido da população.

Felizmente Treviso ainda não registrou nenhum caso suspeito de Covid-19, por isso o momento não é de pânico, mas sim de prevenção para evitar o contágio.

Devemos pensar de forma coletiva, principalmente porque em Treviso grande parte da população é de idosos, que são justamente os indivíduos afetados de forma mais grave pelo coronavírus.

Pessoas imuno supressivas ou que apresentam doenças crônicas também podem sofrer graves consequência no caso de contraírem o Covid-19, por isso é que precisamos nos prevenir para não contrair e transmitir o vírus.

A partir desta quinta-feira (19), medidas enérgicas serão tomadas a fim de evitar o contágio. PRECISAMOS FICAR EM CASA!
Pelos próximos 7 dias, todos deveremos evitar ao máximo qualquer tipo de interação social e circulação nas ruas. EVITE VISITAS E SAÍDAS DESNECESSÁRIAS!

Permanecerão abertos apenas os serviços considerados ESSENCIAIS. Aqueles considerados NÃO ESSENCIAIS deverão fechar seus estabelecimentos neste período. Os que não acatarem a normativa, estarão sujeitos a intervenção policial para que se cumpra o decreto.

Bares e restaurantes poderão trabalhar apenas com entregas à domicílio.

As indústria deverão seguir as orientações repassadas pelo comitê, também estabelecidas no decreto municipal, como dispor da quantidade mínima de funcionários apenas para trabalhos de manutenção.

As carboníferas, não entanto, não deverão suspender suas atividades uma vez que elas precisam garantir o insumo para a geração de energia elétrica.

Quem chegar de viagens INTERNACIONAIS, APRESENTANDO ou NÃO os sintomas do coronavírus, deverá obrigatoriamente permanecer em isolamento domiciliar, assim como aqueles com os quais tiver contato próximo. Reforçamos que esta não é mais uma medida voluntária e sim obrigatória até segunda ordem.

Pacientes com sintomas gripais serão atendidos prioritariamente na Unidade Básica de Saúde Dilnei Z. Sonego. Para evitar aglomerações pedimos que todos aqueles que puderem aguardar por consultas médicas ou agendamentos de retornos não procurem atendimento na Unidade Básica para a própria proteção.
Também serão suspensos todos os atendimentos eletivos e com médicos especialistas. Neste momento é preciso dar atenção aos casos de urgência e emergência.

É possível que alguns dos nossos profissionais da Atenção Básica também fiquem doentes / ou que necessitem se afastar por razão de saúde, por isso já podemos estimar que em alguns momentos haverá uma redução da equipe na Unidade Básica de Saúde que poderá prejudicar o atendimento. Neste caso, o Governo Municipal tratará de solucionar o caso da forma mais rápida possível dentro dos termos legais.

As aulas da rede municipal de ensino deverão ser suspensas até 6 de abril, prazo que pode vir a ser prorrogado. Caso isso aconteça, a Secretaria de Educação emitirá um comunicado.

A Prefeitura, a Funtrev, o Samae, o Horto Municipal e o Cras permanecerão fechados nos próximos 7 dias.

O Cras, a Fiscalização Ambiental e as Secretarias de Obras e Agricultura funcionarão em regime de plantão, que deverá ser contactado via telefone.

Demais casos excepcionais estão descritos no decreto municipal disponível para consulta no site e devidamente linkado nas redes sociais do Governo Municipal.

Reforçando que pelos próximos 30 dias estão proibidos eventos de qualquer natureza, sejam eles públicos ou particulares.

Vamos todos fazer a nossa parte para assim voltarmos o quanto antes à normalidade!

Decreto disponível no: https://www.treviso.sc.gov.br/…/pagi…/ver/codMapaItem/106628